Biografia de Stephenie Meyer decifra por que saga “Crepúsculo” se passa em Forks

Vampiros que brilham na luz do sol não têm problemas para sobreviver durante o dia. Mas manter-se incógnito na multidão, quando se parece um diamante, torna-se um pouco difícil viver em lugares ensolarados. Este foi um dos motivos que levou Stephenie Meyer a ambientar a sua história em um local distante da calorenta Phoenix, no Arizona, onde vive.

Para encontrar o melhor lugar para fixar a residência dos Cullen, Meyer foi ao Google e procurou pela região com maior índice anual de chuvas dos Estados Unidos e encontrou a Península Olímpica, no Estado Washington. A partir disso, procurar pela cidade menor do local foi simples e Forks surgiu na tela.

Fundada pela tribo quileute, cujas lendas foram levemente adaptadas para encaixar-se na história de Edward e Bella, Forks era uma comunidade agrária. Por conta das chuvas, da sua localização e das florestas assustadoras, não poderia manter-se como um local turístico.

Tudo mudou com “Crepúsculo”, que a princípio seria intitulado de “Forks”, que deixou a cidadezinha conhecida mundialmente. Stephenie Meyer, depois de ter escrito o primeiro livro, foi visitá-la para conversas com os indígenas da tribo local e ver se havia se mantido fiel à realidade.

A segunda vez no local não passou indiferente pelos habitantes da cidade e teve o dia 20 de julho instituído como o Dia de Stephenie Meyer. Esta data e o aniversário da personagem Bella, em 13 de setembro, leva fãs para visitarem e celebrarem em Forks.

Podem ser encontrados produtos relacionados à saga em diversas lojas, de farmácias a livrarias, além de um Bella Burguer no drive-in local. Dazzled by Twilight, por exemplo, é dedicada exclusivamente a produtos da franquia.

A fama demorou a chegar até a pequena localidade. Marc Shapiro, em “Stephenie Meyer: A Biografia Não-Autorizada da Criadora da Saga Crepúsculo”, dedica o último capítulo exclusivamente à cidade que tornou-se personagem tão importante quanto outros. Chris Cook, editor do jornal “The Forks Forum” e autor do guia regional “Twilight Territory”, narra a Shapiro a demora dos vampiros de Meyer a conquistar o lugar.

FONTE: Folha Online

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s